« Meus avós pescavam neste rio para alimentar a comunidade. Agora é tudo contaminação por lodo, gasolina, diesel e mercúrio. Os peixes estão morrendo e nossa terra Yanomami está morrendo. – Os garimpeiros levaram tudo, nossa segurança e nossa saúde. » 


Criança Yanomami brincando no rio
foto: Barbara Crane Navarro

« Meus avós pescavam neste rio para alimentar a comunidade. Agora é tudo contaminação por lodo, gasolina, diesel e mercúrio. Os peixes estão morrendo e nossa terra Yanomami está morrendo.

Nós Yanomami estamos sofrendo, não temos paz. Os garimpeiros destroem nossas casas (Yanopë), destroem nossa floresta (Urihi), destroem nossa espiritualidade do xamã e dos espíritos da floresta (Xapori e Ayakora).

Os garimpeiros levaram tudo, nossa segurança e nossa saúde. »

  • Júnior Herurari Yanomami

Barcaça de dragagem usada por garimpeiros ilegais em território indígena
foto: Divulgação

Duas crianças Yanomami, de 7 e 5 anos, morreram afogadas ao serem puxadas para baixo d’água pelas poderosas bombas de uma barcaça de dragagem usada para a extração ilegal de ouro no rio Parima, em Roraima, no Brasil. Os meninos brincavam no rio a cerca de 300 metros de sua aldeia natal.


Crianças Yanomami no rio contaminado perto de casa
foto: Reprodução / Twitter @Dario_Kopenawa

As famílias Yanomami usam os rios e córregos próximos a casa comunal deles para beber água, tomar banho e cozinhar. A invasão do território Yanomami por milhares de garimpeiros deixa florestas devastadas, rios e peixes envenenados pelo mercúrio tóxico usado no processo de mineração do ouro. As barcaças de dragagem ilegal de mineração de ouro funcionam com óleo diesel, que contamina a atmosfera com fumaça e vapores imundos

.

O vice-presidente da Associação Yanomami Hutukara, Dario Kopenawa, disse que mais de 20.000 garimpeiros estão garimpando ilegalmente na terra onde vivem 25.000 Yanomami, poluindo rios com mercúrio usado para separar o ouro da terra, lama e areia. A comunidade disse-lhe que a dragagem mineira « abala a terra e o rio », criando ondas e contaminando as águas.

A atual corrida do ouro na região amazônica é detalhada em fotos eloquentes aqui neste relatório (texto em inglês / português): report 


Desmatamento e contaminação por garimpeiros em território indígena
foto: ISA

Essa loucura deve parar!

Ajude-nos a acabar com este ciclo de desmatamento e devastação!

O consumo desse produto desnecessário e prejudicial ao meio ambiente alimentado por propagandas que tentam convencer os ingênuos de que possuir ouro dá glamour ou valor deve parar!

O poder e a responsabilidade são nossos, nós consumidores.

Se comprarmos ouro ou outros produtos do desmatamento, seremos cúmplices.

Boicote todos os produtos resultantes do desmatamento; ouro, óleo de palma, carne, soja, madeiras exóticas, pedras preciosas, etc. !

Adquira itens sazonais de origem local que não sejam despachados a 3.000 quilômetros de distância!

Para mais detalhes sobre como negociar ouro usando Yanomami e árvores, clique aqui:

A MORTE da NATUREZA – para a Mercadoria do Ouro e do Diamante – A Arte da lavagem verde por mercadores de luxo e a morte da natureza e dos povos indígenas … em suas próprias palavras … atualizado em 2021

About Barbara Crane Navarro - Rainforest Art Project

I'm a French artist living near Paris. From 1968 to 1973 I studied at Rhode Island School of Design in Providence, Rhode Island, then at the San Francisco Art Institute in San Francisco, California, for my BFA. My work for many decades has been informed and inspired by time spent with indigenous communities. Various study trips devoted to the exploration of techniques and natural pigments took me originally to the Dogon of Mali, West Africa, and subsequently to Yanomami communities in Venezuela and Brazil. Over many years, during the winters, I studied the techniques of traditional Bogolan painting. Hand woven fabric is dyed with boiled bark from the Wolo tree or crushed leaves from other trees, then painted with mud from the Niger river which oxidizes in contact with the dye. Through the Dogon and the Yanomami, my interest in the multiplicity of techniques and supports for aesthetic expression influenced my artistic practice. The voyages to the Amazon Rainforest have informed several series of paintings created while living among the Yanomami. The support used is roughly woven canvas prepared with acrylic medium then textured with a mixture of sand from the river bank and lava. This supple canvas is then rolled and transported on expeditions into the forest. They are then painted using a mixture of acrylic colors and Achiote and Genipap, the vegetal pigments used by the Yanomami for their ritual body paintings and on practical and shamanic implements. My concern for the ongoing devastation of the Amazon Rainforest has inspired my films and installation projects. Since 2005, I've created a perfomance and film project - Fire Sculpture - to bring urgent attention to Rainforest issues. To protest against the continuing destruction, I've publicly set fire to my totemic sculptures. These burning sculptures symbolize the degradation of nature and the annihilation of indigenous cultures that depend on the forest for their survival.
This entry was posted in Uncategorized. Bookmark the permalink.

3 Responses to « Meus avós pescavam neste rio para alimentar a comunidade. Agora é tudo contaminação por lodo, gasolina, diesel e mercúrio. Os peixes estão morrendo e nossa terra Yanomami está morrendo. – Os garimpeiros levaram tudo, nossa segurança e nossa saúde. » 

  1. Pingback: « Meus avós pescavam neste rio para alimentar a comunidade. Agora é tudo contaminação por lodo, gasolina, diesel e mercúrio. Os peixes estão morrendo e nossa terra Yanomami está morrendo. – Os garimpeiros levaram tudo, nossa segurança e nossa

  2. Pingback: « Meus avós pescavam neste rio para alimentar a comunidade. Agora é tudo contaminação por lodo, gasolina, diesel e mercúrio. Os peixes estão morrendo e nossa terra Yanomami está morrendo. – Os garimpeiros levaram tudo, nossa segurança e nossa

  3. Pingback: « A grande alma da floresta está em perigo! – O povo da floresta está chamando você. – É um grito do povo Yanomami, é um grito da terra. – Estamos pedindo ajuda! » | Barbara Crane Navarro

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s